Até que ponto a tecnologia pode se desenvolver e mudar nosso sistema de sociedade?

Um panorama das 100 maneiras maravilhosas, estranhas (e possivelmente preocupantes) que o mundo pode mudar em um futuro próximo.

Divididas em quatro categorias

Horizontal 1: Acontecendo agora

Horizontal 2: Futuro próximo 10-20 anos (Experimentar)

Horizontal 3: Futuro distante, 20+ anos (Explorar)

Tecnologia fantasma: Ciência e tecnologia definidas como altamente improvável, mas não impossível. Vale a pena esperar.

Cada uma das 100 tecnologias foram categorizadas subjetivamente de acordo com cinco categorias principais:

ED: Ecossistema de Dados

PI: Planeta Inteligente

AE: Automação Extrema

HA: Humano Aumentado

IM: Interação Homem-Máquina

Fraldas inteligentes já são desenvolvidas por empresas como Abena Nova, da Dinamarca. Boeing e Airbus terão seus próprios aviões autônomos. Clonagem humana e a possibilidade de desextinção podem ser desenvolvidas pela sul-coreana Sooam.

 

Baixe o infográfico e descubra o que aguardar em um futuro próximo. aqui

Nota dos autores

O propósito desta publicação é tornar o futuro dos indivíduos e das instituições certo. E, também, para fazer as pessoas pensarem, mesmo que seja por um breve período.

É uma mistura de predição e provocação que tende a estimular o debate, mas continue atento que outros elementos devem ser considerados quando está se avaliando o potencial de impacto.

Ainda mais importante, as tecnologias apresentadas nesta tabela foram inseridas sem qualquer discussão sobre fatores éticos e morais.

Nenhuma tecnologia deve ser usada a não ser que ajude as condições humanas e com tecnologias potencialmente disruptivas sempre lembre que “com grandes poderes vem grandes responsabilidades”. (Há vários créditos para esta frase desde Homem Aranha, Dr. Spock, Yoda, Churchill, Roosevelt e possivelmente a Revolução Francesa).

Exemplos são puramente ilustrativos e não constituem qualquer forma de recomendação, validação ou sugestão de investimento. Note, também, que companhias pequenas e start-ups estão em contínua mudança, por isso trate os exemplos com cuidado.

Haverão erros e erros de julgamento, por favor, use um pouco de senso comum.

Se quiser entrar em contato para nos parabenizar, criticar ou pagar um almoço para os pesquisadores clique aqui

Versão 1 (Beta). Londres, Janeiro de 2018.

Tecnologias DisruptivasImperial College

 

 

Compartilhar Post:Share on FacebookTweet about this on TwitterPin on PinterestShare on LinkedIn

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *